10.12.12

Resenha - Eventyr



Quando a jovem Beatriz Misse encontra, a caminho da escola, uma caixa misteriosa que (ao abrir) a leva para outro mundo, a vida desta azarada garota muda completamente.
Após quase perder a cabeça depois de ser acusada de espionagem pelo príncipe Alexis (pelo qual acabou criando uma relação de amor e ódio), Beatriz se junta ao príncipe em uma jornada para encontrar os 6 pedaços do cristal cuja lenda diz que tem o poder de realizar desejos. 
Com a ajuda de Neandro, irmão mais velho de Alexis e Nicardo, um misterioso e atraente rapaz, Beatriz acaba vivendo aventuras mágicas explorando os reinos deste novo mundo a procura do cristal que irá levar-la de volta para casa e descobrindo que o ódio é o sentimento mais próximo da amor e que seu príncipe encantado está mais perto do que ela imagina.  

  Se você procurou esse livro em alguma livraria e não achou, aqui está o motivo: Está série é inteira publicada online através do próprio blog do autor: http://felipereino.weebly.com/.

  Série? Sim, Eventyr é o primeiro volume de três que compõem a série, mas agora vamos ao que interessa, a resenha :3

  O livro me surpreendeu bastante, e de leve a estória lembra ao livro Perdida da Carina Risse; O livro conta a estória de uma azarada garota chamada Beatriz que levava sua vida normalmente até que certo dia a caminho da escola ela acaba tropeçando e caindo por causa de uma pequena caixa; Curiosa ela abre a caixa e quando menos percebe ela acaba parando em outra dimensão, em Ofir para ser mais exata.

  Como se isso já não fosse um grande problema ela acaba conhecendo Alexis o príncipe e futuro rei daquela terra estranha com quem logo de início não vai muito com a cara, mas isso não importa muito pois o que ela quer e precisa desesperadamente é voltar para sua casa, só que para isso ela precisa juntas as seis partes de um cristal mágico que estão espalhados por Deus sabe onde.

  Mas uma revelação coloca em dúvida se é isso mesmo que ela quer, por ironia ela descobre que na verdade é a Mallory que segundo a lenda é aquela que irá salvar Ofir de malvado Bianor, e agora Beatriz tem que decidir entre montar o cristal e voltar para casa, ou salvar aquele lugar.

 O livro é repleto de aventura, e isso é um pouco ruim, porque o autor acaba se empolgando de mais, e algumas dessas cenas se tornam muito confusas e depois você fica se perguntando o que foi que aconteceu aqui ???

 Outro detalhe que pesou muito na nota que eu darei a baixo foi os erros ortográficos e de concordância verbal, tudo bem que temos que pensar no fato de que o livro não foi tratado como aqueles que encontramos nas livrarias, mas alguns desses erros poderiam ser evitados.

  Resumindo, o livro é bem bacana, e repleto de aventuras, a narrativa da Beatriz não é enjoada e isso facilita muito a leitura, mas por conta desses probleminhas citados eu dou para o livro 3 estrelinhas.


Isso não significa que o livro é ruim, de forma alguma, só que o autor deveria ter cuidado um pouquinho mais para não cometer tantos erros na escrita e em algumas cenas, mas é um ótimo livro para se distrair pois é cheio de aventuras de tirar o fôlego...

  Vele lembrar que para ler o livro você quem que baixa-lo e para isso é só entrar nesse site aqui: http://felipereino.weebly.com/downloads.html


 

4 comentários:

  1. Parece legal a história, segue um início tipo "Crônicas de Narnia", mas ler um livro com significantes erros de concordância é complicado mesmo.

    http://labirintoimaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em si a estória é bem legal, o único detalhe são esses pequenos erros, mas não é nada muito grave, da para ler de boa é só relevar.

      Excluir
  2. Oi,

    Fiquei com um pé atrás quando vi que existem erros ortográficos no livro... A estória pode ser ótima, mas isso realmente pesa muito >.<

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza pesa sim, mas são pequenos erros, e que muitas das vezes você ler e só depois que percebe, não é nada tão grave.

      Excluir

Vem conte-meu sua opinião *--* Mas lembre-se:

• Não xingue, você não gostaria que fosse com você não é?
• Deixe a url do seu blog para eu retribuir a visita.
• "Seguindo, segue de volta?" Depende, se eu gostar do seu blog, sigo sim c: