12.9.13

Vou te Contar - Maldito Orkut



Maldito seja o Orkut! Ok, eu admito que passava horas e horas procurando o melhor e mais brilhoso recadinho para minhas amigas, ou que ficava disputando com aquela garota nojenta pelo topo do depoimento. Mas poxa, aquela plataforma virtual não tinha o direito de arruinar a minha vida!

Tudo isso só porque eu não repassava aquelas correntes estúpidas. Sabe, aquelas que diziam “Repasse isso para quinze amigos ou então terá sete anos de azar” ou então “Cole isso no depoimento de dez amigos ou então perderá o amor da sua vida e seus amigos”.  Fala sério! Ninguém levava aquilo a sério... Pobres condenados somos nós nesse momento.

Eu deveria mesmo ter repassado aquela corrente, desta forma, eu não estaria na sexta-feira a noite lendo um livro, sentada no banco de um shopping enquanto minha mãe foi pagar a conta de luz! Eu deveria está na balada com as minhas amigas, mas ooh, espere! Eu não tenho amigas! Tudo culpa do Orkut.

Mas veja, ali do outro lado do corredor tem um menino muito bonito piscando para mim! Até parece que vou falar com ele, eu necessito terminar este capítulo.

Minha única amiga acaba de me enviar uma mensagem de texto, me convidando para uma festa amanhã a noite, mas caramba! Ninguém entende que eu necessito saber o final deste livro.

Eu realmente espero que o Orkut esteja feliz, afinal eu poderia namorar aquele garoto lindo (que continua me encarando) ou então sair amanhã com a minha amiga, mas não! Tenho que terminar de ler este livro! E sabe por quê? É tudo culpa do Orkut.

Giovanna P.


* Obs. Este texto é de propriedade do blog Café com Livro, caso queira reproduzir não esqueça de dar os devidos créditos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vem conte-meu sua opinião *--* Mas lembre-se:

• Não xingue, você não gostaria que fosse com você não é?
• Deixe a url do seu blog para eu retribuir a visita.
• "Seguindo, segue de volta?" Depende, se eu gostar do seu blog, sigo sim c: